um outro eu

Período sabático. É nisto que eu pensei enquanto me perguntava o porquê de simplesmente ter parado de escrever por escrever. Não há razão. E não há razão porque não precisa haver uma razão. Muita coisa aconteceu na minha vida: pessoas surgiram, nasceram… Outras foram embora. Boa parte da Letícia que eu fui também acabou partindo, de certo modo.

Esse é o lado positivo de nos darmos um tempo sem cobrança alguma. Desde criança, eu pré-determino prazos para mim mesma. A nota da prova tem que ser tal. O resultado do exame precisa ser tal. A data de entrega daquela matéria precisa ser tal. Acabei me tornando parte de um mundo onde o ponteiro do relógio não poderia pender para a direita se o meu desejo fosse de que ele estivesse à esquerda. Sou assim, vou fazer o quê? Ora, tu vais mudar.

E mudei.

2013 está sendo um ano clean. Um ano de dedicação, de olhar para o futuro e de planejamento sadio. Estou chegando ao final da minha graduação com mil projetos em mente já visando 2015, 2016, 2017… Mas tudo de um modo leve, que fluiu aos poucos – ao invés dos trancos e barrancos que eu impunha anteriormente.

Incrível como, em tão pouco tempo, podemos mudar tanto.

Anúncios

0 Responses to “um outro eu”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: